Dados Mestre – A peça chave para maximizar os seus lucros

Lucros da Âncora de Dados Mestres

Falar sobre dados mestre é, provavelmente, um dos temas menos interessantes de todos os tempos. Então, por que escrever um artigo sobre este tema? Pelo simples fato de que os dados mestre são fundamentais para qualquer negócio, além de ser um elemento extremamente importante na tomada de decisões. Os dados mestre são, frequentemente, desvalorizados e mal gerenciados no mercado de commodities.

O mercado deveria valorizar mais os dados mestre

O motivo pelo qual as empresas de commodities tendem a não valorizar os dados mestre é uma incógnita. Uma das possíveis razões, é que estas empresas, geralmente, economizam muito nos seus custos. Muitas delas não realizam análises robustas dos seus dados, tampouco possuem um software de gestão da cadeia de suprimentos, simplesmente por não enxergar a necessidade ou o retorno sobre o investimento. Ao analisar as vendas da sua empresa, comece economizando com embalagens, simplificando as linhas de produtos; há tantas outras maneiras e atitudes que podem ser tomadas para maximizar os seus lucros. Além disso, é fundamental saber ordenar os seus produtos e clientes corretamente por atributos, e saber classificá-los de acordo com o seu nível de importância.

Trabalhei em diversas empresas de commodities, onde o gerenciamento de dados mestre era de baixíssima qualidade. Também atuei em empresas, onde os colaboradores eram verdadeiros militantes pró-gerenciamento de dados mestre. Em uma delas, tinha até um dado mestre Czar, instruído para parar qualquer um que tentasse forçar algo que não fosse permitido ou que estivesse fora do protocolo. A diferença entre a cultura de gerenciamento de dados nessas empresas eram tão diferentes. quanto água e vinho.  

Dados mestre tornam as respostas mais acessíveis

Imagine a seguinte situação: um colaborador precisa saber a quantidade de códigos de lombo de porco desossado que a empresa tem à disposição. O que você deve fazer, é ordenar o produto de acordo com a sua classificação hierárquica e na combinação correta; primário > subprimário > categoria do produto - e pronto! A resposta se torna facilmente acessível. Este mesmo exemplo pode ser aplicado a qualquer outra análise, já que todos estes sistemas foram desenvolvidos de acordo com os atributos do produto e do consumidor. O benefício real disso é perceptível, principalmente, quando se trata de uma cultura organizacional onde os colaboradores acreditam na integridade dos dados. Como todo bom gerente sabe, confiança gera velocidade e no negócio de commodities, não há fatores mais importantes para o sucesso do que velocidade e confiança.

Neste mundo moderno de modelos orientados por dados, percebemos o quanto é importante ter competência para cortar e fatiar dados de modo rápido e seguro. Você precisa saber a quantidade de contrafilé disponível para venda? Para isto, basta ordenar os contrafilés de acordo com os seus códigos e, todos os que tenham produtos disponíveis para venda irão aparecer em questão de segundos. Aí, você percebe que o mesmo cliente só compra as caixas Julian datadas 30#? Então, é só ordenar novamente, considerando estes dois últimos atributos, e pronto.  

Agora, vamos comparar a seguinte situação com a anterior, considerando que os dados mestre não foram aplicados nos códigos dos produtos, e sem ter a certeza da exatidão destes dados. O que você faria? Bom, primeiro você tem que rezar para ter boa memória e lembrar de cada código ou ter uma lista com todos estes códigos à mão (e rezar para que esta lista esteja atualizada!). Em seguida, você deve analisar todas as especificações de cada código, uma por uma, e ver se os atributos estão todos corretos. Não ria, eu passei várias horas da minha vida fazendo somente isso e é claro, erros acontecem! As vezes, o produto enviado é incorreto ou nem chega a ser vendido porque você não encontrou exatamente o que estava procurando. Dinheiro é perdido e produto é desperdiçado... Eu poderia ficar aqui citando milhões de outros exemplos. 

Sua empresa precisa de um responsável pelos dados mestre

Minha sugestão: se você encontra dificuldades na manutenção dos dados mestre, pergunte a alguém da sua empresa ou contrate alguém que tenha conhecimentos suficientes para tornar-se o Czar dos dados mestre. Escolha alguém que saiba lidar com situações difíceis e que, mesmo assim, se mantenha calmo, centrado e mantenha o respeito. Como executivo, ofereça o seu apoio incondicional. Estabeleça uma cultura orientada por dados, na qual os seus colaboradores tomam decisões de forma inteligente, baseada em dados. Você verá os bons resultados e jamais irá se arrepender.  

A melhor fase para aperfeiçoar os dados mestre, é no início da implementação do software de planejamento da cadeia de suprimentos. Muitas vezes, as empresas fazem justamente o contrário e acham que devem resolver tudo de uma só vez; desde a sua cultura interna até os dados mestre, colocam problemas com colaboradores acima da importância da implementação de um produto transformador, como uma solução de planejamento da cadeia de suprimentos, etc. Quando optam por seguir neste caminho difícil, muitas empresas acabam perdendo terreno para os seus concorrentes. Uma empresa de software que não oferece soluções para aprimorar os seus dados importantes, nunca será o seu parceiro ideal. Torne-se parceiro de alguém que conheça a sua indústria e que domine a ciência de dados. Nós da Austin Data Labs, podemos te ajudar a aperfeiçoar o seu projeto de dados mestre e integrá-los nas soluções de software para administrar os seus negócios. 


Estamos à disposição para ajudá-lo a solucionar desafios como este.

Contate-nos hoje mesmo!